REC
Nome:REC.Tipo:Anime
Genero:Comédia , Comédia Romântica , Romance , Visual NovelsAutor:Nakamura
Direção:Nakamura, RyutaroEstudio:Eixo , TBS
Status:Lançamento:
Linguagem:LegendadoAno:2006

Sinopse: A historia começa com Fumihiko Matsumaru, um "salaryman" de 26 anos, esperando a sua colega de trabalho para irem ao cinema. No entanto, o tempo começa a passar e este percebe que o encontro que tinha planejado não deu certo. Então, completamente desanimado, decide jogar os bilhetes do cinema fora quando uma garota se aproxima e dá voz aos bilhetes, dizendo que estes estavam pedindo por uma oportunidade... e os dois acabam assistindo ao filme juntos. Em seguida, ele descobre que ela chama-se Aka Onda e é uma aspirante à seiyu (dubladora), tem 20 anos de idade e deseja ser como a sua atriz favorita, Audrey Hepburn. Mais tarde, o lugar onde ela mora é completamente destruído num incêndio e, então, Matsumaru a convida para morar com ele, enquanto ela não arranja um novo lugar para ficar. Assim, começa a historia com os dois vivendo juntos sobre o mesmo teto. O enredo desta historia apresenta dois temas. O primeiro é o relacionamento entre Aka e Matsumaru, o segundo é a carreira profissional de cada um deles. Seja através da situações ou dos diálogos, em ambos os casos esses temas são tratados de uma forma inteligente e sensível. Podemos perceber isso quando o anime mostra os altos e baixos da carreira de ambos, a complicada diferença entre os sonhos e a realidade, o desenvolvimento do relacionamento dos dois e, também, os reflexos da vida profissional na sua vida amorosa e também o oposto. Pode não parecer nada, mas tudo isso cria um forte vínculo com as pessoas que acompanham a série, tornando-a mais interessante. Os personagens do Matsumaru e da Ako são bem trabalhados, o que torna a história mais cativante e dá um ritmo ótimo para o desenrolar da narrativa. Sem contar que não é uma série cansativa de acompanhar devido à pequena quantidade de episódios e o seu formato de tempo. Quanto ao gráfico do anime, este é simples mas corresponde ao mangá e também contribui para oferecer um ar mais realístico a série: nada daqueles estereótipos inatingíveis de beleza. Sobre a trilha sonora, não há um grande destaque, esta apenas cumpre o seu papel.

REC.

9 de outubro de 2016 01:38